26/02/2015

Hamster Roborovski - Introdução


Classificação

Animal: Hamster Roborovski.
Nome em Inglês: Roborovski Hamster ou Desert Hamster ou Robos.
Nome Científico: Phodopus roborovskii.
Gênero: Phodopus.
Subfamília: Cricetinae.
Família: Cricetidae.
Superfamília: Muroidea.
Subordem: Myomorpha.
Ordem: Rodentia.
Classe: Mammalia.
Subfilo: Vertebrata.
Filo: Chordata.
Reino: Animalia.

Ficha

Tamanho (médio): 4cm a 5cm.
Peso (médio): 22g a 26g.
Expectativa de vida: 2 a 3 anos.
Maturidade Sexual: 30 dias.
Período de Gestação: 21 dias (média).
Número de Filhotes: 4 a 6.
Desmame: 21 a 28 dias.
Ninhadas por ano: 10 a 12.
Dieta: Onívoro.
Atividade: Crepuscular.
Socialização: Sociável.



O
s hamsters roborovskis são uma das quatro espécies de hamsters comumente criados como animais de estimação no mundo todo. Infelizmente, não existem roborovskis no Brasil, e não se tem registro se eles já estiverem presentes no país em algum momento.

São considerados a menor espécie de hamsters. O corpo é redondo e gordinho. As patas são peludas, com quatro dedos nas patas dianteiras e cinco nas patas traseiras. O rabo é curto e peludo. As bochechas possuem bolsas para o armazenamento de alimentos.

A cor natural dos roborovskis se chama "agouti", e é caracterizada por fios cor de areia com a raiz cinza nas costas e frios brancos na barriga. Diferente dos outros hamsters anões, eles não possuem uma listra preta nas costas. A única outra variação de cor desses hamsters é chamada de "white faced" ("cara branca", em inglês), e, como o nome sugere, é uma versão do agouti com a face totalmente branca. Existem variações de cores diluídas, mas não são comuns. A pelagem é sempre curta e macia. Existem exemplares hairless (sem pelos), mas são muito raros e incomuns.

Diferente dos outros hamsters, roborovskis podem ser mantidos em grupos de até três indivíduos, caso o alojamento tenha o tamanho adequado. Brigas são raras, mas podem ocorrer, então cabe ao dono estar preparado para, possivelmente, separar os robos em gaiolas unitárias.

Como a maioria dos roedores, a visão é debilitada, com um péssimo senso de profundidade, enquanto o olfato e audição são muito apurados: o menor ruído ou mudança de cheiro é facilmente percebido pelos hamsters roborovskis.

É recomendado oferecer uma rodinha de exercícios no alojamento para manter o peso do roborovski em ordem. São agitados, então é preciso cuidado ao manuseá-los, pois podem pular das mãos dos donos e se machucar gravemente. Num geral, não é recomendado que os donos os manuseiem, reduzindo o contato mais a observação.

O temperamento depende do manejo e socialização que o animal receber desde filhote. São assustados e podem morder ou urinar o dono, então, deve-se manter o manuseio numa frequência mínima. É simples para um dono inexperiente esmagar um robo por acidente, por serem muito pequenos e frágeis.

Dificilmente cheiram mal, embora os machos costumem estimular a glândula de cheiro que possuem na barriga com certa frequência, para espantar outros machos e atrair fêmeas. A fêmea pode soltar um odor desagradável quando está no cio ou quando se sentir ameaçada. Os dejetos praticamente não possuem cheiro, e caso a limpeza do alojamento seja feita com regularidade, o hamster roborovskis não costuma ter odor nenhum.

Animais pequenos, frágeis e de fácil manutenção, os hamsters roborovskis são ótimos animais de estimação, mesmo que sejam mais para observação do que manuseio. Resta torcer para que eles sejam trazidos ao país em breve.



Por: Louis Patrick Fortunato Nunes.

Nenhum comentário :

© 2014-2015 Pets e Fofuras | Todos os direitos reservados